11 maio 2014

Livro pronto

O livro estava pronto. Margarida sorriu, esquecida das horas de trabalho e da luta contra o tempo que parecia não ter tido fim. Começou a ler, mas não se reconheceu naquilo que escrevera. As palavras pareciam ter enlouquecido, todas elas desordenadas e atrapalhadas dentro das frases. Uma amargura invadia agora a sua alma e a sua vida...
Foi então que acordou daquele pesadelo! Era o dia do lançamento, e saiu sentindo uma alegria desmedida no seu coração.

Isabel Lopo, 68 anos, Alentejo.  

Desafio RS nº 13 – … palavras atrapalharam-se dentro…

Sem comentários:

Enviar um comentário