23 maio 2014

Mensagem para a humanidade

No bilhete de identidade foi carimbado pelos nazis, em letras grandes, JUDIA. A partir de então tudo mudou. "Verboten fur juden" – não tinha nenhuma liberdade.
Num dia, o comboio da morte levou-a junto com muitos outros para Auschwitz. Ali foi tatuado no seu antebraço KZA 66.99
Dos vinte cinco mil judeus belgas transportados para Auschitz apenas mil e trezentos sobreviveram a este flagelo.
Não o deixemos acontecer de novo, esta é sua a mensagem para a humanidade.

Theo De bakkere, 61 anos, Antuérpia, Bélgica

Desafio nº 66 – números 66 e 99

3 comentários: