20 janeiro 2016

Finidade

Olhou por cima do ombro, não os conseguindo encarar de frente. Quantas vezes haviam pisado juntos os courts de terra batida? Quantas vezes haviam deslizado para apanhar a bola no momento certo? 
Virou-lhes as costas, estreando o par de ténis acabado de comprar.
– Será que vocês também me conduzirão à vitória?
Com um nó na garganta pegou na velha dupla e com um sorriso no rosto pendurou-a na parede.
– Nunca se sabe o que o futuro reserva.

Quita Miguel, 56 anos, Cascais

Desafio Escritiva nº 4 – homenagem às sapatilhas
Faça aqui o download do conto «Sonho Esventrado» https://www.smashwords.com/books/view/595005

Sem comentários:

Enviar um comentário