18 janeiro 2016

Mafalda tonta

Mafalda parecia uma barata tonta, de um lado para o outro. Pegava no telemóvel… mas logo de seguida, lançava-o para cima da cama. Não estava a conseguir ultrapassar tamanho constrangimento! Não tinha estudado, o exame era no dia seguinte, o receio, insegurança, apoderava-se dela.
Decide telefonar a uma amiga:
– És tu, Marta?
– Preciso da tua ajuda, estou com algumas dúvidas.
– Estás bem?! – Uma aluna de excelente com dúvidas?!
– Respira fundo e conta baixinho até 10! 
– Resultado perfeito!

Prazeres Sousa, 52 anos, Lisboa

Desafio RS nº 23 – história de mulheres

Sem comentários:

Enviar um comentário