12 fevereiro 2016

As bruxas existem

Deslocava-se pelos corredores de serviço quase silenciosa, de ouvido à escuta. Depois subia ao gabinete do director e relatava tudo o que tinha ouvido. O director escutava calado. Josefa terminava dizendo: “Uma injustiça, Senhor Director! Uma injustiça!”.
Intriguista, Josefa passou a ser temida no serviço. Chamavam-lhe “bruxa com asas” tal a rapidez com que os mexericos chegavam aos ouvidos do director. Na verdade, de corpo magro e cabelos pretos, espetados, Josefa lembrava uma tenebrosa vassoura de bruxa.

Isabel Sousa, 64 anos, Lisboa

Desafio RS nº 28 – Josefa, intriguista e bruxa

Sem comentários:

Enviar um comentário