13 fevereiro 2016

O garoto que gingava

Numa dança esgotante,
Era um garoto gingar,
Esguichando-se com água,
Porque se queria hidratar!

E, naquela tenra idade,
Ele gostava de dançar,
Em vez de música, água,
E mímica a acompanhar!

Cansado, continuava,
Na idade da frescura,
Com face ruborizada,
Era um fogo de doçura!

Cresceu, foi intelectual,
Tornou-se investigador,
Desenvolveu um projeto
De meritório valor!

À Ciência abriu a janela,
Deixou a dança e mímica,
E, da paixão pela água,
Surge o gosto pela Química!

Maria do Céu Ferreira, 60 anos, Amarante
Desafio Rádio Sim nº 6 – palavras tiradas à sorte do dicionário


Sem comentários:

Enviar um comentário