30 março 2016

Mudança de rota

Sempre repetia os mesmos sentimentos e as mesmas histórias. 
Um belo dia, resolvi mudar não pelo amor e sim pela dor. 
Fui obrigada a bater-me em retirada de determinada situação onde meu coração sofreu 
muito mas não teve jeito pois as pessoas só me queriam usar e usufruir do que tinha para ofertar como se fosse uma supridora de suas necessidades e caprichos. 
Foram dez anos de abdicação dos meus gostos em prol do deles, em vão.  

Roselia Bezerra, 61 anos, Rio de Janeiro, BR
Desafio nº 105 – frase de Einstein

1 comentário:

  1. Bom dia, querida Margarida!
    Obrigada por publicar...
    Vc sempre muito inspirada e nos instigando a refletir...
    Bjm muito fraterno e pascal

    ResponderEliminar