25 março 2016

Reciclada

Escreveu nela durante anos, já estava gasta e esburacada
pela borracha, que tantas vezes apagou
os erros que nunca emendou. Até não ter mais espaço
para escrever.
Foi então que a amarrotou e jogou fora.
Sem lhe dar mais importância, virou costas, foi embora.
Alguém a apanhou, esticou tapou-lhe os buracos,
e escreveu. Os erros não se apagam com borracha,
apenas evitá-los para não ter que usá-la.
A folha voltou a ser usada, maneira de ser reciclada.

Natalina Marques, 56 anos, Palmela

Desafio nº 68 – imagem de uma folha amarrotada

Sem comentários:

Enviar um comentário