20 março 2016

Sonhar é preciso

Vivia junto à praia. Via os barcos chegarem e partirem. Também ele queria partir. Ansiava ver outros mundos. Como devia ser bom deixar aquele porto…
Folheava revistas à procura de cidades com gente diferente, músicos, artistas como ele, o melhor saxofonista da região. Passava horas a ouvir grandes músicos. O belo surpreendia-o.
Dizem que o homem que vive em espanto deixa portas abertas ao sonho. Como o sonho comanda a vida, um dia partiu. E foi feliz.

Margarida Leite, 47 anos, Cucujães
Desafio RS nº 34 – frase de Mia Couto

2 comentários:

  1. Bela e inspirada construção nesta profunda frase de Mia.
    Gostei.
    Parabéns.

    ResponderEliminar