28 abril 2016

A carta

A minha mãe não me fazia isto, eu amo a Guiomar.
BALBUCIOU, a medo, sem conseguir expressar o que a carta dizia.
ALGUMAS palavras confundiam-no, pois não sabia ao certo o significado delas.
PALAVRAS que lhe queimavam a alma como fogo queima a estopa.
DEPOIS, calou-se uns minutos, para absorver o que acabava de ler.
VOLTOU a dizer, isto não é bom, não tem cabimento algum.
LÊ-LA de novo, não vai resolver-me o problema,
prefiro ser feliz.

Natalina Marques, 57 anos, Palmela

Desafio nº 5frase de sete palavras, cada palavra está depois de 10 em 10 palavras

Sem comentários:

Enviar um comentário