20 abril 2016

A última de 5

Era tarde, e tu nunca mais chegavas.
Onde andarias?
Não fazia ideia mas a impaciência crescia.
Que sufoco!
Chovia cada vez mais, e trovejava também.
Aparece, bolas!
Ligo-te, ouço o telemóvel cá em casa…
Não acredito!
Paciência! Vou-me deitar e ler um livro.
Estou preocupada.
Não me concentro. Teria errado nalguma coisa?
– Cheguei, querida!
Vens até ao quarto, dás-me um presente.
Surpreendida, abro-o.
Oh, meu Deus, nem dava para acreditar!
Abraço-te, fascinada.
E juntos soltamos uma gargalhada!

Carla Augusto, 48 anos, Alenquer

Desafio nº 75 – frases de 7 e 2 palavras.

Sem comentários:

Enviar um comentário