06 abril 2016

El Maluquito

Sonhava com mudanças, mas que fazia? Sempre tudo igual, todos os dias, sendo ignorado. Desencantos, só desencantos…
Mudar cento e oitenta graus!
Levei o pensamento à risca!
Passei a andar de pernas para o ar.
Finalmente, todos reparavam em mim; cada dia eram novas descobertas, sorrisos, espantos…
Bem, usava sapatos nas mãos, luvas nos pés, e, devido à gravidade, cabelo empastado, casacos presos à cintura…
Mas sinto-me único… só não gosto da alcunha que ganhei: El Maluquito. 

Domingos Correia, 58 anos, Amarante

Desafio nº 105 – frase de Einstein

Sem comentários:

Enviar um comentário