04 maio 2016

Para Eça de Queirós

Querido Eça de Queirós, sempre gostei muito das suas obras, do estilo que você utiliza e também do drama nas suas obras. Por isso é que decidi fazer uma adaptação do seu livro “O crime do Padre Amaro” para que todas as pessoas, tanto as crianças como os mais velhos, possam lê-la. Alterei algumas coisas no livro, mas sem importância nenhuma e espero que você não se importe e goste da minha adaptação. Eu sou Eduardo Pitta.

Marta Deza, 20 anos, Zamora, prof Paula Pessanha Isidoro
Desafio nº 26 – dedicatória para alguém

Sem comentários:

Enviar um comentário