15 junho 2016

Não importa a soma dos dias

Os dias eram, para Hugo, nada mais que matemática. Somava-os só para saber quantos ainda faltavam para a ver. De Bragança a Lisboa era uma grande viagem, que só podia ser feita no fim de uma soma jeitosa. Mas para Hugo, toda a matemática valia a pena. Mais dia menos dia e podia estar com ela. No fim, Hugo sabia que o que importa não é a soma dos dias, só a quantidade que somamos de amor.
Anabela Risso, 24 anos, Évora

Desafio RS nº 38 – a matemática dos dias

Sem comentários:

Enviar um comentário