07 julho 2016

Que asco!

Sinto um inibido asco ao perceber como coas o sublime chá de flor de cerejeira e jasmim. Usas uma soca, de madeira, claro!... Não o podes assim. Comprimem-se-me as entranhas e revira-se o país imperial. Gera-se um caos nipónico em mim. Para resolver o caso, sugeres que cosa o pires ao bule. De olhos em bico, guardo tudo num inventado saco vil. As tuas firmezas, ocas de sentido, recomendam-te uma estadia dilatada algures pela Avenida do Brasil.
Vanda Gomes, 44 anos, Lisboa

Desafio Rádio Sim nº 7 – anagramas com S C O 

Sem comentários:

Enviar um comentário