09 setembro 2016

Premonição

Tinham premonição de que encontrariam um bebê escondido no nível do jardim. Planejavam criá-lo como a princesa encontrara no Nilo um pequenino, na história sagrada.
Não encontraram, mas fizeram da casa um ninho onde abrigavam os meninos já crescidos e privados do aconchego. O município inteiro os reconhecia como pais de muitos maninhos.
Eram muitas Aninhas e Toninhos. À mesa se uniam, como bonitas avezinhas vigiadas pelos pais.
Os meninos desabrocharam mais tarde em flores de cidadania.
Celina Silva Pereira, 66 anos, Brasília, Brasil
Desafio RS nº 40 – 14 palavras com a sílaba NI

Sem comentários:

Enviar um comentário