04 novembro 2016

Clara escuridão

Claro. Hoje é assim que percebo: claro.
Amadurecer é ter bem claro o que é findo.
No início a vida se faz em escuro.
Escuro é o íntimo da falta. Escuro é o padecer.
Estúpido?  Esperto?
Estúpido em pensar que amar é infinito.
Esperto ao saborear os beijos como se últimos fossem.
Nem estúpido nem esperto, apenas ao amor aberto!
Mexe-te então, vai à vida, sem "se".
Mexe-te se faz sentido!
Mexe-te! O amor, esse é abrigo! 
Roseane Ferreira, Estado do Amapá, Macapá, Extremo Norte do Brasil

Desafio nº 112 – 3x5 palavras no texto

Sem comentários:

Enviar um comentário