03 fevereiro 2017

Direito a brincar

Hoje estou muito aborrecida com os meus pais: não me deixam brincar no pátio porque eles dizem que fora está frio, mas eu jamais tenho frio porque começo a correr atrás da bola e não tenho frio. Gostaria do poder fazer tudo quanto eu quisesse, mas eles gostam de mandar-me arrumar a casa. Hoje encontrei um livro que falava das crianças e, embora não saiba ler muito bem, descobri que as crianças têm o direito a brincar.
María del Mar González Moraga, 20 anos, Zamora, prof Paula Pessanha Isidoro

Desafio Escritiva nº 14 – direitos da criança

Sem comentários:

Enviar um comentário