12 fevereiro 2017

Teu regresso

No meio do velho livro, o trevo que me deste.
Aquela
 simples planta, já seca, mantém-me presa a ti.
Mesmo sem 
saber o porquê da tua partida polémica, da tua mudança. Continuo procurando desesperadamente uma luz por entre a confusão que me envolve, juntando os pedaços deste coração cansado, que apesar de pisado ainda alimenta a nesga de esperança que resta. Negando-se a deixá-la morrer. Não importa o que os demais pensam, sei que um dia regressarás. 
Carla Silva, 43 anos, Barbacena, Elvas
Desafio Rádio Sim nº 46 – 12 palavras impostas

Sem comentários:

Enviar um comentário