06 fevereiro 2017

Um salto incrível

Lembro-me bem. Foi há cinco anos e fui informado de que iria saltar de um avião com um fato com asas. Não tinha a certeza se o faria, pois era mais do estilo intelectual. Já tinha chegado o dia e não sabia se rir, se chorar, se gritar… O avião tinha descolado e os meus olhos saíam-me das órbitas. Finalmente, saltei. Uma forte brisa acertava-me na cara. Afinal, não foi tão mau!… Eu sabia que era capaz.
Bernardo Oliveira, Guilherme Correia e José Maria Zuzarte Reis, prof Maria Nicolau, Colégio Andrade Corvo, Torres Novas

Desafio RS nº 45 – «Eu sabia que era capaz!»

Sem comentários:

Enviar um comentário