26 março 2017

Rosário P. Ribeiro ― desafio nº 76

Furei nuvens até aterrar. A partir daí a minha única ideia é matar saudades deles.
Amanhã será um dia diferente, a passear em terras de Sua Majestade.
Finalmente cheguei à cama e decidida a quebrar a dieta, criada pelas circunstâncias, diverti-me. Eu e
elas, as letras!
Uma temeridade, escrevinhar sem usar uma letra! Mas preparei-me para a festa!
Restava-me tenacidade, mais algumas ideias e as palavras suficientes para ganhar a batalha. Seria campeã, e de mim mesma!
Rosário P. Ribeiro, 60 anos, Lisboa

Desafio nº 76 – escrever sem a letra O

Sem comentários:

Enviar um comentário