17 julho 2015

Encontro de almas

Bebia sempre muita cachaça, batizaram com alcunha de bebum.
Quando ele acordava, beliscava todo seu corpo bestial, arreganhava muito sua boca.
Quem o visse bêbado poderia pensar em Baco acompanhado do príncipe Belzebu.
Encontrou um dia Beatriz numa das suas bebedeiras.
Houve ali um bonito encontro de almas bonitas.
Nunca mais o Benício quis saber de bar.
Agora todos dizem: bem aventurada seja esta bendita com a sua bondade.
Deus os protejam belamente.
Aconteceu milagre ou bênção?

Toninho, 59 anos, Salvador-BA-Brasil
Desafio RS nº21 – de 3 em 3 plvrs 1 começada em B

2 comentários:

  1. Boa noite Margarida,
    Adorei a história do Toninho.
    Outro amigo do Brasil que recentemente começou a participar.
    Beijinhos e um bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade - o leque vai alargando :)
      Um beijinho

      Eliminar