01 fevereiro 2017

O meu filho

― Bom dia, em que posso ajudar?
― É o meu filho, está preso no meu carro. Não consigo abri-lo.
― Ok, vou chamar a nossa equipa de socorro. Não desligue.
― Está bem, eu estou na rua três.
― Sim, estão pertinho.
― Muito obrigada, minha senhora.
― É para isso que aqui está a agência de salvamentos de crianças.
― Obrigada, não demorem muito, por favor!
― Tudo de bom.
― Adeus. Muito, muito obrigada!
― Adeus, senhora
― Obrigada!
― De nada, continuação de um bom dia.
Bruna, Escola Portuguesa em Écublens, Suíça, prof Paula Santos

Desafio nº 111 – linha de atendimento 111

Sem comentários:

Enviar um comentário