15/07/12

Uma ilustradora e meia dúzia de falcões!


Meia dúzia de falcões cresceram na minha floreira!
Acham estranho, falcões numa floreira?
Mas foi assim que aconteceu, a terra que lá tínhamos era mesmo fértil, não foi para flores, mas foi para os falcões!
Começa tudo com f:  Fértil, Flores, Falcões... e a minha Felicidade ao vê-los voar, depois de serem apenas um pequeno ovo, aquecido pelo amor dos pais falcões.
Hoje os falcões vieram despedir-se no meu (a)braço, hoje disse-lhes - até sempre, queridos amigos!

Célia Fernandes, ilustradora

Não deixem de espreitar o blogue com a história toda, e com ilustração, claro... É aqui!