29/11/12

O meu arroz



(Chittogart,  arte,  pequenas,  nascem,  pedintes,  esperandodoce, cercada)


Jamais esquecerei aquela manhã em Chittogart na India. A arte  é uma constante em todos os monumentos, forrados de pequenas figuras, que nascem em jardins muito descuidados. Aí abundam pedintes esperando turistas. Encostada a uma árvore, uma mulher, sorriso docecercada de crianças. Na mão um saco de plástico, cheio de arroz. Faz pequenas bolas  que distribui pelos garotos famintos. Querem mais!
Recordo o meu caixote lixo, com restos de um arroz igual àquele.

Genoveva Pereira

Sem comentários:

Publicar um comentário