18/04/13

A traição da memória



– Tens memória?
– Claro que tenho memória. Que pergunta…
– Lembras-te quando deste o teu primeiro abraço?
– O primeiro abraço?!
– Sim, o primeiro abraço da tua vida.
– Que me lembre, dei muitos abraços à minha melhor amiga, a Lili, tinha uns dois anos.
– Pois é. Temos a memória curta. O primeiro abraço aconteceu antes de veres a luz do dia. Quando o espermatozóide do teu pai se fundiu com o óvulo da tua mãe. A memória, às vezes, atraiçoa-nos…

Edite Esteves, 67 anos, Venda do Alcaide (Palmela)

Sem comentários:

Publicar um comentário