12/09/13

Os blogues-estrelas

Onde está o tempo, quando os blogues se formaram com a velocidade transónica das estrelas? Em grande número, cada dia milhares blogues transmigravam da internet. Não sei quantas destas estrelas transcendentes já desapareceram no buraco preto. No entanto, no firmamento ainda se encontram astros que transluzem um clarão brilhante, outros transformam-se em estrelinhas transidas ou transmitam apenas sinal de vida.
No véu de estrelas, discretamente entre os outros milhares, o meu astro transume a sua própria órbita.

Theo De Bakkere, 60 anos, Antuérpia, Bélgica


Desafio RS nº 5 – 7 palavras com TRANS–– (no início, não necessariamente prefixo)

Sem comentários:

Publicar um comentário