26 abril 2016

Tarde demais

Foi ao hospital para dizer umas verdades ao médico,
faria trinta por uma linha.
Mas chegou, apenas perguntou quando seria a mãe operada.
– Tenha paciência, ela está em lista de espera... Sabe como é,
a lista é extensa, tem outros à frente dela.
Regressou a casa. Olhou a mãe e o seu coração
ficou mais apertado. O tempo passava, a raiva crescia
Finalmente, o telefone tocou para marcar a consulta.
Ela só respondeu:
– Já não é preciso.

Natalina Marques, 57 anos, palmela

Sem comentários:

Enviar um comentário