25/02/18

Diana Glória ― desafio 35


A terra se desvenda verso a verso, ser louco num mundo perturbado não é loucura, mas sim sanidade. E que por mais voltas que o mundo dê, um dia todos nós iremos nos encontrar em algum ponto. Um ponto pacífico onde falaremos a mesma língua, beberemos a mesma água, contaremos histórias sem fim e rindo um sorriso leve e sincero. Mesmo se estando em harmonia com tudo, com todos, o seu rosto for de sombras e mágoas.
Sophia de Mello Breyner Andersen, Ilhas
Diana Glória, 11 anos, Olhão, Escola EB 2/3 Professor Paula Nogueira, Prof.ª Cândida Vieira
Desafio nº 35 – partindo de dois versos de autor

Sem comentários:

Publicar um comentário