25/02/18

João Mendonça ― desafio 35


Quando eu sonhava era assim:
Eu era um agente secreto
E todos os ladrões tinham medo de mim.

Tinha equipamento invisível
E derrotava o gang de ladrões mais temível.
Descobria passagens 
E lindas paisagens.

Encontrava ladrões enrascados 
E tesouros roubados.
Nenhum caso me escapava,
Sempre os desvendava.

Descobria imensas e boas pistas
E também encontrava algumas contra pistas.
Os ladrões bem tentavam escapar 
Mas não me conseguiam enganar;

Infelizmente era tudo um sonho
Que nunca pude alcançar.
Folhas caídas e flores sem fruto, de Almeida Garrett
João Mendonça, 11 anos, Olhão, Escola EB 2/3 Professor Paula Nogueira, Prof.ª Cândida Vieira
Desafio nº 35 – partindo de dois versos de autor


Sem comentários:

Publicar um comentário