16 maio 2018

Fátima Fradique ― desafio 135


O mar ondula forte. O sol queima. Saio da água, sento-me na areia quente como um meteorito. Lá longe, o apito do farol soa. As gaivotas piam. Grito, porque me sinto envolta nuns braços, não me consigo libertar. Molhada como um pitoagito o corpo. Viro-me e vejo-o bronzeado, húmido, sorridente, com um brilho azul no olhar, de palito no canto da boca, calção cor de granito. Postura descontraída que me atrai, me enternece. Rendo-me de imediato.
Fátima Fradique, 44 anos, Fundão
Desafio nº 135 – 7 palavras com ITO

Sem comentários:

Enviar um comentário