20 maio 2018

Sérgio Felício ― sem desafio

Abandono
Brasil dos nossos dias: pais abandonam filhos no hospital… por falta de recursos, medo ou receio. Filhos são crianças com deficiência. Enfermeiros cuidam-nos como seus rebentos ou familiares.
Infelizmente em Portugal, existem situações semelhantes: nos lares de idosos abandonam familiares. Depositam-nos… jamais querem saber deles!
Muitas pessoas abandonam pais mas arranjam cães de estimação. É injusto.
Poderiam usufruir dos dois?
Têm seu trabalho… mas… poderiam visitá-los, pelo menos.
Esquecem-se que um dia também serão velhos.
São egoístas.
Sérgio Felício, 37 anos, Coimbra

Sem comentários:

Enviar um comentário