29/08/18

Maria do Rosário Morujão ― desafio 3

Sobe as escadas de mão dada com a mãe. Contam alto os degraus: um, dois... Assim não pede colo e vai aprendendo os números. Três, quatro – as pernitas rechonchudas ainda precisam de se esticar para subir. Cinco, seis. “Estou cansado”, reclama. “Falta pouco, vá”, diz a mãe. Sete, oito. Os braços erguem-se num pedido mudo de colo. “Estamos quase, quase”. Nove, dez. “Chegámos, filho, viste? Foste capaz! Estás mesmo crescido”. E ele corre, feliz por ter conseguido.
Maria do Rosário Morujão, 52 anos, Lisboa

Desafio nº 3 – números de 1 a 10

Sem comentários:

Publicar um comentário