28/09/18

Zelinda Baião ― desafio 145


O dia começou quando ela acabou pondo um ponto final no assunto. Suspirou. A noite fora intranquila. Em sobressalto. Vira passar, à sua frente, códigos, comandos, cabos ligados, desligados e ligados outra vez, num enervamento que não ajudava. Pensara, seriamente, em acabar com tudo aquilo. Irada, ainda se aproximara da janela. Mas precisava dele. A teimosia venceu e saudou o primeiro raio de sol. Conseguira: o computador estava a funcionar e havia um ponto final na tese.
Zelinda Baião, Linda-a-Velha, 56 anos
Desafio nº 145 ― o dia/noite começou quando…

Sem comentários:

Publicar um comentário