23/05/19

Rita T ― desafio 35

Quando o rapaz viu a maçã
Não tinha mesmo como rejeitar
Foi apanhá-la; mas quando trincou
Deu-lhe logo vontade de vomitar.

Pois o que estava lá dentro não era normal
Tinha pelo, escamas e pernas, 
O que não era habitual.

E quando o chamaram para o almoço
Ele não tinha como negar…
Então a mãe gritou
Porque era um almoço espetacular.

Mas quando ele voltou
Não encontrou na maçã, afinal
O seu lindo bichinho:
um magnífico animal!
Rita T, 5ºB, Escola Dr. Costa Matos, Gaia, prof Cristina Félix
Desafio nº 35 – partindo de dois versos de autor
Álvaro Magalhães, "O mesmo rapaz de sempre"