06/04/20

Paula Castanheira ― desafio 203

Victor já nem se lembrava como começara. Alguém lhe disse que os seus desenhos faziam lembrar Miró…
A vida era perigosa. Verdadeiro trapézio sem rede. As ruas não lhe trouxeram sustento, muito menos, o sucesso sonhado. Dias e dias a alimentar-se de sorrisos fugazes e alguns elogios atirados em jeito de esmola.
medo da tela em branco, o primeiro risco, o abismo, o coração em sobressalto. Restava-lhe o Sena que lhe acariciava a esperança.
Amanhã, talvez!
Paula Castanheira, Massamá
Desafio nº 203 risco + 6 palavras