15/10/20

Beatriz F – desafio 26

No meu lar, tenho todo o carinho de que preciso. Sinto-me protegida e muito amada.

A atenção dos meus pais é totalmente dirigida para mim, pelo facto de ser a única filha a viver em casa.

As minhas conversas dirigem-se ao meu pai, ou a minha mãe, dependendo do tema, recebendo sempre uma opinião confortável.

Independentemente da festividade, ou do dia, a ternura da minha família nunca se esgota. Sinto-os sempre presentes e disponíveis para me apoiar.

Beatriz F, EPADRC, Alcobaça, Prof.ª Fernanda Duarte

Desafio nº 26 – dedicatória para alguém

Sem comentários:

Publicar um comentário