17/10/20

Fernanda Malhão – desafio 152

Ser imigrante

Ser imigrante é sofrer, sempre ouvi isso dos meus avós, mas só senti na pele essa verdade quando me tornei imigrante, cruzando o oceano, fazendo o caminho oposto aos meus avós. Começar uma nova vida, deixando para trás amigos, família e uma forma de viver é realmente uma tarefa heroica! E ouvir vezes sem conta: Volta para a tua terra! Desencadeava sempre uma lágrima sentida, que parecia álcool a arder na enorme ferida de saudade que sentia.

Fernanda Malhão, 44 anos, Gondomar

Desafio nº 152 – frase de Lídia Jorge

Sem comentários:

Publicar um comentário