03/10/20

Maria Silvéria dos Mártires – desafio 205

Pequeno acidente

Confesso que quando de repente olhei o corte corri desesperadamente para o telefone, pedi socorro. Sei que não há nada que te afete, mas quando viste a pesada tela cair em cima dos pés ficaste sem pinga de sangue.

No hospital disseram-nos que por pouco, quase perdias o dedo grande.

Saímos dali, pairavam no ar vozes e uma confusão surgiu. Para esquecermos aquela hora amarga fomos os dois ao teatroadmirar arte e ver a vida pulsar.

Maria Silvéria dos Mártires, Lisboa

Desafio nº 205 ― sílaba TE

Sem comentários:

Publicar um comentário