20 outubro 2015

Desafio Escritiva nº 1

E assim começam os nossos desafios USAL, em colaboração com a Universidade de Salamanca,

De certeza que já ouviu a frase “rir é o melhor remédio”, mas se calhar nunca pensou realmente nos “poderes” do riso. 
É isso que eu lhe peço hoje, que se ria, que pense numa situação que lhe provocou um riso absolutamente contagiante, incontrolável, saudável, ou que se inspire simplesmente na fotografia das esculturas do artista chinês Yue e que conte, em 77 palavras, um desses momentos.


Deixo-vos aqui um desses meus momentos de rir até a barriga doer!
Pousamos as mochilas, pedimos para nos tirarem uma fotografia e senti uma sombra. Virei-me, gritei, sacudi os chinelos dos pés, arranquei a máquina das mãos do fotógrafo e corri, corri até ouvir a sirene da polícia. Explico o sucedido, levam-nos para a esquadra e ali, sem esperança, abraço-me ao único que sobrara: a máquina fotográfica. Ligo-a e desato a rir, a rir até chorar, até os polícias se juntarem a mim: o ladrão fora fotografado em flagrante!
Paula Cristina Pessanha Isidoro, 34 anos, Salamanca

Desafio Escritiva nº 1 – um momento de riso!

4 comentários:

  1. Muito boa a construção com o humor magico.
    Abraços Margarida e bom fim de semana..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, a Paula construiu um texto bem engraçado, e verdadeiro, ao que parece.
      Um beijinho para si

      Eliminar
  2. KKKKKK
    Muito engraçada esta história, Margarida.
    Já te mandei a minha.
    Beijinhos carinhosos de
    Verena e Bichinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, minha querida, vou tratar dela daqui a pouco. :)
      Um grande beijinho

      Eliminar