30 julho 2016

Desafio nº 109

Porque não falar de coisas mais complicadas?
Espero que estejam preparados – também podemos utilizar estes textos para intervir na sociedade.

Proponho-vos este tema: Solidão num lugar cheia de gente.
Pode ser qualquer lugar: praia, piquenique, festa, escola, o que quiserem. Quem sabe se, nos seus momentos de lazer, não encontra e modifica a solidão de alguém...
Vamos a isto?

Eu já escrevi a minha:
Entrou na praia com passos tímidos. Escolheu um lugar afastado, esticou a toalha, despiu a roupa modesta e pegou num livro. Os olhos não pareciam querer ler. Fugiam para as famílias que brincavam na areia a fazer castelos, e teve saudades da infância. Depois fugiam para pares de amigas a conversar, e teve saudade de amigas que nunca teve. Pensou então que se iludia. Seria melhor voltar para a casa cheia de gente onde ninguém a via.
Margarida Fonseca Santos, 55 anos, Lisboa
Desafio nº 109 – solidão no meio de gente

12 comentários:

  1. Boa noite, querida Margarida!
    Ficou excelente!
    Já escrevi a minha e vou lhe mandar quando a tocha passar por qui... rs...
    Bjm muito fraterno

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ok, ok! Um grande beijinho, obrigada pelas suas palavras

      Eliminar
  2. Adorei o tema e tua participação! bjs, chica já mandei a minha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já vou ver, obrigada!
      Beijinhos em modo «fériaaaaaaaaas»

      Eliminar
  3. Lindo desafio e linda história!

    ResponderEliminar
  4. Oi Margarida!

    Já, já, envio o meu. rs

    Beijo!

    ResponderEliminar
  5. Querida Margarida,
    Seus textos são sempre excelentes.
    Enviei o meu.
    Um beijinho carinhoso de
    Verena

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei muito do seu, Verena, tão real, actual e verdadeiro.
      Um grande beijinho, obrigada!

      Eliminar
    2. Obrigada, querida Margarida
      Um beijinho carinhoso.
      Verena

      Eliminar