13 dezembro 2016

Cordões

No outro dia fui comprar uns cordões para fazer uma pulseira para o meu namorado. O problema é que saí da casa uma hora antes, pensava ter tempo suficiente, mas afinal não tive. Passei pela rua comercial e comecei a ver roupa para mim e quando me apercebi, faltavam apenas dez minutos para que fechassem a loja onde vendiam cordões. Comecei a correr e por sorte o homem, tão amável, atendeu-me ainda que estivesse mesmo a fechar.
Teresa Flores Palacios, Salamanca, 21 anos, prof Paula Pessanha Isidoro

Desafio Escritiva nº 13 – recordes pessoais

Sem comentários:

Enviar um comentário