13 março 2018

Natalina Marques ― desafio 137


O Chico estava  a ficar impaciente, o jogo começava daí a pouco e a televisão, teimava em não funcionar.
Não desistiu, até que apareceu qualquer coisa escrita em estrangeiro, que não percebia, chamou então a mulher.
― Ó ROSA, anda cá ver isto.
― Já vou, estou à procura do meu ISQUEIRO, nunca sei onde o ponho. Mas afinal o que me queres?
― Percebes alguma coisa disto?
― Percebo percebo, percebo tanto como um BURRO quando olha para um palácio.
Natalina Marques, 58 anos, Palmela
Desafio nº 137 ― rosa, isqueiro, burro


Sem comentários:

Enviar um comentário