15 maio 2018

Bruna Crista ― desafio 133

Passa-me da pele para a carne. Sinto uma ligeira picada. É assim tão dolorosa esta dor que sinto? Escorre sangue por todo o meu corpo e lágrimas pela minha face. Dou um grito para dentro e sinto cada vez mais. Levanto-me. Mas ele não me larga, parece que me puxa, que me prende. Não consigo sair. Uma dor da qual não consigo fugir. Um sorriso sem cor, um amor não correspondido, uma silva sem dó.
Bruna Crista, 17 anos, 12ºF, Escola Secundária Inês de Castro, prof Carla Rosário
Desafio nº 133 ― cair nas silvas

Sem comentários:

Enviar um comentário