12 junho 2018

Natalina Marques ― desafio 143


Levantou-se cedo, para fazer a corrida matinal.
No jardim perto de casa, sentou-se num banco, preocupada com o assunto do tribunal.
Ia ser julgada por um crime que não cometeu.
No caminho de regresso, encontrou um trevo de quatro folhas, deu-lhe um pouco de ânimo, pensando que lhe daria sorte se a justiça não fosse cega.
A mãe, quando a viu entrar com o trevo, só disse:
― Se a JUSTIÇA falha, não há TREVO que te valha.
Natalina Marques, 59 anos, Palmela
Desafio nº 143 ― novo ditado popular

Sem comentários:

Enviar um comentário