11/01/12

Os Reguilas e o Frik!

 Os Reguilas da Mata (1º ciclo), do agrupamento de escolas de Estremoz, fizeram a continuação da história "O Meu Primeiro Natal", da colecção Histórias do Frik (Presença). Aqui estão elas, sempre em 77 palavras! E com desenho...

Frik e o boneco de neve
O Frik estava a brincar com o Pedro e teve uma intensa vontade de fazer xixi.         Correu para a porta, calçou as suas botinhas, saltou lá para fora e foi a correr fazer xixi.
Quando ia para casa esbarrou contra um boneco de neve.
O boneco disse-lhe que sabia onde morava o Pai Natal.
O Frik perguntou-lhe:
     - O que é isso?
     Ele respondeu-lhe:
- É o velhinho que entrega prendas!
Beatriz
                                                       
Frik ganha um novo amigo
Frik estava triste, além de ter Pedro e João como amigos, Frik queria mais um. Então pôs-se à procura de um amigo. E disse:
- Bah! Quem é que quer um boneco de neve como amigo?
Depois de muito procurar encontrou dois cães e uma boca de incêndio.
A boca de incêndio não falava e os cães eram finos.
Por isso, voltou para o boneco de neve, que era um excelente amigo.
 Diogo

Frik
O Frik tinha que fazer chichi, então ele foi lá fora!
Estava escuro e não se via nada.
O Frik ao olhar para o boneco de neve pensou que era um
ladrão.
Ao cheirar o boneco de neve cai um chapéu, duas pedrinhas e uma  cenoura e o Frik continuou a cheirar, até que as três pedras, a fazer de
botões, caíram na cabeça do Frik.
- Oh, não! Coitado! Não queria estar no lugar dele!
Sofia



Sem comentários:

Publicar um comentário