24/06/13

Em Palco

De coração a explodir de amor e com uma boa dose de ansiedade, viu a filha surgir no palco, cintilante sob o xaile negro e o “Fado do Ciúme” na voz, a engolir de um trago o medo da estreia.
Correu bem, mas os jurados preferiram a loirinha da Mouraria.
“Que raiva”, pensou.
Tanto fazia.
Na segunda volta, com o “Fado da Saudade”, a sua moreninha levou a melhor.
E o coração da mãe explodiu de vaidade.

Rita Bertrand, 41 anos, Lisboa


Sem comentários:

Publicar um comentário