20/09/13

À espera da banda...

A minha mãe lembrava-se do primeiro rádio em casa, mais que tudo a música e as narrativas populares que abrandavam os tristonhos dias invernosos. A única pessoa que não gostava do rádio era o meu bisavô. Tinha mesmo medo do utensílio. Não o entendia, no quarto havia vozes, mas… ninguém estava lá! Curiosamente, só reagiu alegre quando iniciou a música duma fanfarra, e, imediatamente, se despachou para o vão da porta à esperar que a banda passasse. 

Theo De Bakkere, 60 anos, Antuérpia Bélgica


Sem comentários:

Publicar um comentário