10/04/14

Triste paga

Atraso, constatação, espera ansiosa. Nascimento, lindo momento chegou! Cuidados, abnegação, todo  tempo.
Tempo passa, criança cresce. Carinho, cuidado, respeito, amor.  Exemplos bons sempre mostrados.
Cresce mais, outra criança. A nossa criança faz!
Acolhemos, cuidamos, protegemos, adoramos. Passa mais tempo  ainda.
A criança gerada crescidinha. Sabe  tudo da vida...
Mas a criança pai. Da vida nada sabe. Tudo fácil sempre recebeu!
Hoje, na sua estupidez. Crê pais nada servem. Atordoa, incomoda, provoca, ira...
Rouba-lhes a alegria! Nada aprendeu!

Chica, 65 anos Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil  
Desafio RS nº 12 – texto em prosa com frases de 4 palavras