20/02/15

As lágrimas não são todas iguais

As lágrimas não são todas iguais. As da tristeza são frias e sabem a sal porque quase sempre, brotam desse quarto arrefecido que é a solidão.
As da raiva e do ódio são picantes e ácidas por isso doem tanto ao cair, porque quase sempre advém do sótão dos medos, dos egos, dos apegos.
Mas, as da emoção, são doces e quentes, porque quase sempre, é a alma que nos vem mostrar que fomos tocados, no coração.

Isabel do Valle, 54 anos, Lisboa


Sem comentários:

Publicar um comentário